2020 empata com 2016 como ano mais quente já registrado

O ano de 2020 empatou com 2016 como o mais quente já registrado

O ano de 2020 empatou com 2016 como o mais quente já registrado
Pixabay

O ano de 2020 empatou com 2016 como o mais quente já registrado, fechando a década com a intensificação dos impactos da mudança climática, disse o Copernicus Climate Change Service, da União Europeia, nesta sexta-feira (8).

Segundo o serviço climático europeu, on ano passado as temperaturas globais ficaram em média 1,25 ºC mais altas do que nos tempos pré-industriais.

A Europa, por exemplo, teve o último ano como o mais quente da história, com temperaturas excepcionalmente altas no outono e no inverno . 

Cientistas afirma que os dados mais recentes ressaltam a necessidade de países e empresas reduzirem as emissões de gases de efeito estufa com rapidez suficiente para alcançar as metas do Acordo de Paris de 2015 para evitar mudanças climáticas catastróficas.

O acordo de Paris visa limitar o aumento das temperaturas para “bem abaixo” de 2ºC e o mais próximo possível de 1,5C para evitar os impactos mais devastadores das mudanças climáticas.

“Os eventos climáticos extraordinários de 2020 e os dados do Copernicus Climate Change Service nos mostram que não temos tempo a perder”, disse Matthias Petschke, diretor para Espaço na Comissão Europeia, braço executivo da União Europeia. 

You may have missed

8 min read
2 min read
5 min read
5 min read