Medo de coronavírus faz países suspenderem voos do Reino Unido

Dezenas de países decidiram barrar voos que tinham como origem o Reino Unido

Dezenas de países decidiram barrar voos que tinham como origem o Reino Unido
Hannibal Hanschke/Reuters – 21.12.2020

Dezenas de países decidiram barrar voos vindos do Reino Unido após o primeiro ministro britânico, Boris Johnson, anúnciar, no domingo (20), que uma nova versão do coronavírus, responsável por causa a covid-19, foi identificada no país.

O que se sabe sobre a nova variante do coronavírus que levou a novo lockdown na Inglaterra

Na América Latina, Argentina, Chile, Colômbia e Peru foram os primeiros a adotar medidas para impedir que pessoas que podem ter sido expostas à mutação do vírus entrem em seus territórios. 

Segundo a OMS (Organização Mudial da Saúde), não há indícios de que a nova cepa descoberta pelos cientistas cause uma infecção mais grave ou afete a eficácia dos testes de diagnóstico e vacinas disponíveis. 

A África do Sul também informou que encontrou uma nova variante do vírus que foi detectada pela primeira vez nos últimos meses em Cabo Oriental e, desde então, se propagou por outras províncias do país. 

Apesar do empenho das autoridades de saúde para conter a situação, a lista de países que decidiram tomar medidas restritivas em suas fronteiras está aumentando.

Veja a lista de países decidiram barrar voos vindos do Reino Unido:
 

Argentina
Chile
Colômbia
Peru
El salvador
Canadá
Espanha
Itália
França
Holanda
Alemanha
Irlanda
Áustria
Húngria
Polônia
Suíça
Suécia
Dinamarca
Bélgica
Rússia
Índia
Israel
Hong Kong
Paquistão
Jordânia
Marrocos
Turquia
África do Sul
Arabia saudita
kuwait
Omã

You may have missed

8 min read
2 min read
5 min read
5 min read