Produtores de petróleo vão elevar geração em 500 mil barris por dia

Redução na oferta cairá para 7,2 bilhões de bpd

Redução na oferta cairá para 7,2 bilhões de bpd
Christian Hartmann/Reuters – 6.10.2017

Em coletiva de imprensa após a cúpula da Opep+ (Organização dos Países Exportadores de Petróleo e aliados), o ministro da Energia da Rússia, Alexander Novak, informou que o grupo concordou em aumentar a produção do combustível em 500 mil barris por dia (bpd) a partir de janeiro. “Chegamos a uma decisão equilibrada apesar das negociações difíceis”, disse.

Dessa forma, a redução na oferta cairá de 7,7 bilhões de bpd – conforme firmado pelo pacto de abril — para 7,2 bilhões de bpd. Segundo Novak, Moscou responderá por 125 mil bpd do aumento previsto para o início do ano que vem. O ministro acrescentou que a Opep+ pretende fazer reuniões todos os meses para discutir a situação do setor.

Novak lembrou que cerca de 2 milhões de bpd precisam voltar aos mercados, mas garantiu que isso ocorrerá de forma gradual. O ministro da Energia da Arábia Saudita, o príncipe Abdulaziz bin Salman Al Saud, destacou que a segunda onda de casos de covid-19 pelo mundo não estão afetando a demanda por petróleo da mesma forma que a primeira.

You may have missed

3 min read
2 min read
4 min read
2 min read